Diário de Pilar na Amazônia

/ TEATRO

Diário de Pilar na Amazônia

Através da história da menina Pilar, que embarca numa aventura com seus amigos para deter um grupo de madeireiros predadores, a peça é potencial ferramenta para a educação ambiental das novas gerações.

O espetáculo, um encontro afetivo com a riqueza e o mistério da floresta amazônica, abrange o público de todas as idades, trazendo canções originais, personagens da cultura e mitologia dos povos originários e um elenco diverso formado por indígenas, pretos e brancos de diferentes gerações para exaltar de forma poética e lúdica o povo, flora e fauna amazônicas.

A peça é uma adaptação da obra homônima da escritora e roteirista Flavia Lins e Silva, autora da série literária Diário de Pilar e criadora da série Detetives do Prédio Azul.

Não é todo dia que o público tem a oportunidade de desfrutar de um entretenimento que, em diferentes camadas, dialoga com as crianças, os adolescentes e os adultos ao mesmo tempo. Essa comunicação abrangente e agregadora é um dos grandes trunfos de “Pilar na Amazônia”, que convida o espectador a um encontro afetivo com a riqueza e o mistério da floresta amazônica.

 A peça reúne, de forma não didática, informações pouco conhecidas e muito úteis sobre o bioma da floresta e sua preservação, tornando-se um potencial instrumento de educação ambiental através da arte.

SINOPSE

TRILHA SONORA DISPONÍVEL NAS PLATAFORMAS DIGITAIS!

Idealização: Miriam Freeland
Texto: Flávia Lins e Silva
Ilustrações: Joana Penna
Direção e Adaptação: Symone Strobel
Elenco: Miriam Freeland, Fernando Melvin, Jorge Neves, Ludimila D’Angelis, Márcio Mattos, Sávio Moll e Valéria Alencar
Cenário: Natália Lana
Bonecos: José Cohen
Figurino: Luciana Buarque
Iluminação: Felipe Lourenço
Direção Musical e arranjos: Marco de Vita
Pesquisa de trilha incidental e assistente de direção: Pedro Scovino
Preparação Vocal: Chiara Santoro
Visagista: Sid Andrade
Diretor de palco: Maycon Soares
Direção de Produção: Tatianna Trinxet e Miriam Freeland
Coprodução: Constelar – Arte, Diversão e Cultura
Realização: Movimento Carioca Produções

FICHA TÉCNICA

GALERIA

CLIPPING

HISTÓRICO

CRÍTICA

"Diário de Pilar na Amazônia conscientiza sobre importância da floresta para termos futuro.

As aventuras da série de livros Diário de Pilar encantam não só os pequeninos como também seus responsáveis, dada a profundidade dos temas apresentados de forma leve às gerações do futuro. Em Diário de Pilar na Amazônia, em cartaz no Teatro Vivo, em São Paulo, com sucesso de bilheteria, não é diferente. A emblemática personagem da literatura infanto-juvenil ganha adaptação teatral mais uma vez protagonizada por Miriam Freeland, também diretora de produção com Tatianna Trinxet e produtora ao lado de Roberto Bomtempo e Regina Sampaio. Com uma construção doce e ao mesmo tempo vigorosa, Freeland é a Pilar incontestável de nossos palcos. Symone Strobel, que vem fazendo bonito na adaptação da literatura infanto-juvenil para os palcos, dirige e assina o roteiro da montagem.
Na história que conquista toda a família, a inteligente Pilar viaja até a Amazônia por meio de sua rede mágica, na companhia do amigo Breno (Jorge Neves), e de seu gato, Samba. Lá, se depara com a sanha inescrupulosa de um malvado empresário (Fernando Melvin), que quer derrubar e tacar fogo na floresta. Tudo para fazer pasto para o gado e contaminar os rios com a mineração. Pilar se vê na obrigação de frear aquele absurdo e proteger a fauna e a flora, contando com a ajuda da jovem indígena Maiara (Ludimila D'Angelis) e também do professor biólogo (Sávio Moll) e de ícones do folclore como o Curupira (Márcio Mattos) e Iara (Valéria Alencar), além de uma imensa cobra de olhos brilhantes."

“Estou encantada com a adaptação do livro para a peça. O público vai fazer uma imersão sensorial na Amazônia e certamente sairá muito tocado e transformado”.

Rua Guilhermina Guinle, 296/503

Botafogo – Rio de Janeiro – RJ

Brasil

CEP 22270-060